Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Mato Grosso, 08 de Dezembro de 2021

Noticias

Falta de sinalização e de ciclovia no sentido aeroporto preocupa usuários em Sinop

Cidade plana favorece locomoção, mas trecho inadequado se torna um perigo para ciclistas

25 de Novembro de 2021 as 06h 00min

Ciclovia que passa pela Av. Bruno Martini termina no bairro Aquarela Brasil – Foto: Revelando Sinop

Um meio de transporte – e também hobby – bastante visto em Sinop é a bicicleta. O número de ciclistas aumenta a cada dia por alguns fatores. Como o fato de ser uma cidade plana e com fácil locomoção, o uso das ‘magrelas’ é feito por quem quer apenas lazer, como também para trabalho. Entretanto, a infraestrutura presente colabora em partes, mas não em todo o processo.

Existem vários pontos na cidade que precisam de ciclovia e sinalização. Um desses locais é no fim da Avenida Bruno Martini, onde a ciclovia acaba na entrada do bairro Aquarela Brasil. Movimentado pelos ciclistas, o ponto é trajeto de quem segue pela rodovia MT-222 sentido Aeroporto Municipal Presidente João Batista Figueiredo e também até a ponte do Rio Teles Pires.

A consultora de vendas no ramo vestuário Isette Bonifácio, que pedala com frequência, disse que gosta da rota por ser um excelente percurso. “Por ser no sentido da ponte do Teles Pires, é um excelente trajeto para treinar subidas, assim exige esforço físico e ajuda a desenvolver melhor a minha performance”, contou.

Entretanto, a falta de sinalização correta e de uma ciclovia causa preocupação para a turma do pedal. A ciclista Danielle Antoniolli, que pedala há três anos, diz que essa rota não tem sinalização, tem pouca iluminação, e uma grande movimentação de carretas que, em muitos casos, não respeitam a presença dos ciclistas.

“Infelizmente, não é bem sinalizada, a iluminação é bem precária, tem um grande fluxo de carretas que passa por lá, das quais muitas não respeitam os ciclistas. Não existe uma ciclovia completa nessa rota, pois a ciclovia acaba no Aquarela Brasil”, disse.

PODER PÚBLICO

A equipe de reportagem do Diário do Estado MT entrou em contato com a Secretaria de Obras de Sinop para saber se há previsão orçamentária para a implementação de uma ciclovia nessa rota. Em nota, a Pasta informou que está em andamento uma obra de duplicação da avenida em todo esse trecho.

Paralelamente a essa duplicação, que primeiramente será concluída, existe um projeto de inserção de um Instrumento Cicloviário aprovado a executar, que prevê dar continuidade à ciclovia existente na via supracitada, até o acesso principal do Aeroporto. O projeto contempla, também, sinalização horizontal e vertical, acessibilidade, mobiliários urbanos, e iluminação.

Fonte: ISABELA OLIVEIRA - Estagiária

Veja Mais

Inter decepciona em último ato no Beira-Rio em 2021

Publicado em 08 de Dezembro de 2021 ás 12h 00min


Soja: preço interno oscila com certa força ao longo da última semana

Publicado em 08 de Dezembro de 2021 ás 11h 00min


Decreto exclui Casa da Moeda de programa de desestatização

Publicado em 08 de Dezembro de 2021 ás 10h 00min


Jornal Online

Edição nº 0684 08/12/2022