Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Mato Grosso, 17 de Maio de 2022

Noticias

Nível do Rio Paraguai pode atingir 40 cm, o menor nível desde 1965

27 de Agosto de 2021 as 16h 11min

Maior seca registrada nos últimos 50 anos deixa Rio Paraguai em situação crítica — Foto: Ronivon Barros

O nível do Rio Paraguai, em Cáceres, está atingindo os menores valores mínimos considerando toda sua série histórica de dados, desde 1965, conforme o monitoramento hidrológico do Serviço Geológico do Brasil (SGB-CPRM). A previsão para a cota mínima ao final do período seco é que o rio oscile próximo ao nível de 40 cm em Ladário.

Em Goiás, Tocantins e leste de Mato Grosso, nos rios Manuel Alves, Araguaia, Caiapó, Claro, a precipitação acumulada de todo o ano hidrológico não só ficou abaixo da média de 20 anos para toda a bacia, mas é a mais baixa de toda a série. Em relação à bacia do rio Paraguai, atualmente, a precipitação no ano hidrológico também é a mínima desde 2000/2001, sendo 34% abaixo da média.

Pelo segundo ano consecutivo, o rio Paraguai, que drena a Bacia do Alto Paraguai e o bioma Pantanal, vem apresentando valores de nível d’água significativamente abaixo da média. Com tendência de declínio de seu nível até o mês de outubro, quando normalmente termina o processo de vazante, o rio Paraguai preocupa em todas as estações monitoradas pelo (SGB-CPRM).

O comportamento dos rios na bacia vem confirmando o prognóstico divulgado pelo órgão desde o início de junho, quando ficou claro que o processo de vazante havia iniciado antecipadamente em 2021.

Fonte: DA REPORTAGEM

Veja Mais

Corinthians encara Boca Juniors com três metas a cumprir na Bombonera

Publicado em 17 de Maio de 2022 ás 14h 00min


MT registra abertura de 16,7 mil empresas do setor de turismo

Publicado em 17 de Maio de 2022 ás 11h 00min


MT apresenta a 2ª menor taxa de desocupação

Publicado em 17 de Maio de 2022 ás 10h 30min


Jornal Online

Edição nº 0796 17/05/2022